Jameson Bartenders Ball 2016

Na última terça feira, dia 17/05/2016, aconteceu a final da etapa brasileira do Jameson Bartender’s Ball 2016, um campeonato de drinques do whiskey irlandês.

Eu já estava esperando este campeonato há um tempo, porque no ano passado eu fui como convidada para o Jameson Bartender’s Ball 2015 e adorei a animação e o clima descontraído dos competidores, dos jurados e do público. E também adorei a festa que rolou depois da competição, com drinques feitos com Jameson, tinha até um karaokê com banda! É isso mesmo, uma banda tocava para os convidados cantarem em cima do palco. Nem preciso falar que eu me acabei e que esse campeonato ficou marcado como um dos mais divertidos da minha vida!

Em novembro de 2015, tive outra experiência incrível, o Jameson Backyard, era um espaço enorme no coração da Vila Madalena, com shows incríveis, tipo Emicida, gastronomia de primeira, um pebolim humano e muitos drinques com Jameson.

Em abril deste ano (2016), fui convidada para o Jameson Pub Crawl, um rolê pelos bares de São Paulo com o objetivo de experimentar alguns drinques que estavam participando do Jameson Bartenders Ball, gente, eu ouvi direito? Jameson Bartenders Ball??? Aquela competição animadíssima e inesquecível vai rolar de novo…. Uhhuuuuuuu!!!!

Jurados-organizadores

Foto: Adriano de Castro

Até que no dia, 09/05/2016, o bartender e amigo Rafael Mariachi, me ligou e me convidou para ser uma das juradas do Jameson Bartenders Ball 2016, meu coração parou, não deixei nem o coitado terminar de falar e comecei a gritar SIM, EU ACEITO!!!!

E então o grande dia chegou, eu estava nervosíssima, era a primeira vez que eu seria jurada, minhas mãos não paravam de suar. Meus colegas jurados eram, nada mais nada menos que, Cesar Adames, Fernando Lisboa e James Guimarães, aqueles que você segue no Instagram e pensa assim: Se um dia eu souber um décimo do que eles sabem sobre drinques, eu já estou feliz da vida! Ah e detalhe, vocês sabem quem apresentou o Jameson Bartender’s Ball 2016? O Adolpho Schaefer, aquele do food truck da TV, ai mano, que emoção!

O campeonato começou, tentei disfarçar o nervosismo e me concentrar na função, os competidores também estavam muito nervosos, era um desafio enorme, mas aos poucos, gota a gota, fui relaxando e o processo fluiu. Os drinques, na sua maioria, eram sensacionais, mas foi muito interessante perceber que, apesar do nervosismo, alguns dos bartenders tinham uma capacidade de concentração e uma dinâmica de apresentação muito surpreendentes.

jbb

Drinques vencedores, primeiro, segundo e terceiro lugar, da direita para a esquerda. Foto: Adriano de Castro.

As apresentações terminaram e mais nervosismo para esperar a apuração das notas, mas pelo menos nessa hora eu já tinha feito meu trabalho e estava muito bem acompanhada de um hambúrguer no ponto!

Hora do resultado, em terceiro lugar: Fabio Magueta; em segundo lugar: Ed Carneiro; e em primeiro lugar: com seu indefectível “Sine Metu”, Matheus Cunha!

Foto: Adriano de Castro

Foto: Adriano de Castro

Agora essas três feras vão para a Irlanda, o primeiro colocado irá disputar a etapa mundial  do Jameson Bartenders Ball 2016 e os outros dois competidores vão para lá testemunhar o campeonato e aprender muito na terra do St. Patrick!

Só tenho a agradecer muito por esta experiência emocionante!

Agradeço a todos os competidores pelo respeito e entusiasmo, juro que eu estava tão ou mais nervosa que vocês.

Agradeço aos colegas jurados, pela amizade e cumplicidade.

Agradeço aos queridos Rafel Mariachi, Juliana Pereira Rodrigues e Larissa Marques, pela confiança e parceria.

Muito obrigada mesmo!!!

Carolina Ronconi

Nascida em São José dos Campos, em 10 de janeiro de 1983, de uma família na qual tudo é motivo de festa, formou-se em Fonoaudiologia pela PUC-SP, é especialista em Voz (Santa Casa-SP), Administração de Empresas (FMU-SP) e Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde (CESCO-FMABC). Sempre gostou de cachaças e come até pedra, se estiver bem temperada. Morou em São Paulo por 12 anos, onde frequentou, praticamente, todos os bares. Depois morou em Montreal (Canadá), onde se apaixonou por cervejas artesanais. Até voltar para o interior de São Paulo e fazer do Boteco o seu mais novo escritório.

3 comentários em “Jameson Bartenders Ball 2016

  1. Pingback: Holy Pasta, boteco sobre rodas - Meninas no BotecoMeninas no Boteco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Resolva: *